Notícias

Aula Interdisciplinar

     No dia 25 de setembro do corrente ano, as professoras do Curso de Psicologia, Ana Paula Lazzaretti e Roberta Salvador, uniram suas turmas de Psicologia Social e Psicologia e Situações de Vulnerabilidade para abordar um assunto pertinente da atualidade: Preconceito e violência contra homossexuais.
A aula “Preconceito e violência contra homossexuais: qual o meu papel enquanto psicólogo(a)?” foi ministrada pela psicóloga e doutoranda Priscila Lawrenz. A convidada iniciou a palestra explicando conceitos chave em relação à temática como gênero, sexo, orientação sexual, entre outros. Abordou questões históricas relacionadas à homossexualidade. Também trabalhou conceitos como preconceito, estereótipos e homofobia. Apresentou, ainda, um panorama das leis, em âmbito nacional e mundial, relativas á garantia e violação de direitos do público LGBTT (Lésbicas, gays, bissexuais, transgêneros e travestis). Demonstrou que, em muitos países, prevalece o desrespeito a tal público. Sobre o Brasil, a palestrante salientou que apesar de uma legislação avançada e de ser considerado um país que respeita tal público, há um alto índice de violência contra o público LGBTT, situação apresentada a partir de reportagens e um vídeo que evidenciam tais práticas preconceituosas e violentas. A convidada abordou também a situação que, nas últimas semanas, foi bastante comentada nas diversas mídias a respeito da situação ocorrida no Distrito Federal em que um juiz concedeu uma liminar, permitindo a prática de tratamento para reorientação sexual (“cura gay”), medida que contraria a Resolução 01/99 do Conselho Federal de Psicologia (CFP). Finalizou sua fala, ressaltando que, desde 1990, a homossexualidade deixou de ser considerada um transtorno pela Organização Mundial da Saúde, de maneira a instigar, no público presente, o debate acerca do papel da Psicologia no acompanhamento do público LGBTT.

image